Hora do Natal

Glória a Deus!...


Paz na Terra e bondade entre os homens!...


Natal!...


Brilha Natal em júbilo divino!...


Luzes, vozes e mãos, enlaçando-se em prece, cânticos de afeição, renovando o destino!...


Mas ouve, coração...


Enquanto a mesa farta lembra extenso jardim que te acena e sorri, enquanto a fé te envolve o teto em reconforto, não digas que Jesus não precisa de ti.


O Excelso Benfeitor, cujo amparo louvamos, ilumina-Te o passo e aguarda-Te, inda agora, para estender no mundo as fontes da alegria, para lenir a dor da multidão que chora!...


Escuta!...


Rente a nós, lá fora, há muita gente, em plena solidão, entregue à ventania, há quem contemple o céu, mendigando consolo, quem suporte a penúria exposta à noite fria.


Quantos rogam debalde o afeto que perderam, quantos gritam na estrada em desespero vão!...


Orfandade, viuvez, desalento, amargura, rebeldia, abandono, angústia, privação...


Alguém te bate à porta e te repete o nome!... Desce para ajudar, da altura a que elevas.


Como outrora, Jesus vem buscar-te a bondade e Te pede socorro aos que vagam nas trevas.


Traze aos irmãos em sombra o apoio e a simpatia, que os arranquem do fel e soergam do pó. O sorriso, uma flor, um bolo, o braço amigo, um gesto de ternura, uma palavra só.


Quanto possas, esparze a bênção da esperança, que suprima a tristeza e a revolta na Terra.


Sê a força do bem que enalteça o caminho, o auxílio de quem sofre, o perdão a quem erra...


Natal!...


Em meio à festa, as emoções te afligem, sentes fome de luz, anseias regressar à pureza da infância, às promessas da escola, às primeiras canções no refúgio do lar!...


É a verdade mostrando a própria singeleza, nas trilhas de ascensão em celeste esplendor!...


É a paz do Céu que nos abraça a vida, a presença do criador e a vitória do amor!...


Autora: Maria Dolores (Espírito)

Médium: Francisco Cândido Xavier.

Livro: Preito de Amor. Lição nº 06. Página 29.

0 visualização

Posts recentes

Ver tudo

Crônica do Natal

Desde a ascensão de Herodes, o Grande, que se fizera rei com o apoio dos romanos, não se falava na Palestina senão no Salvador que viria enfim... Mais forte que Moisés, mais sábio que Salomão, mais su

Entre em contato conosco caso sua dúvida não tenha sido contemplada entre os itens apresentados aqui.

©2018 por Pensar Espírita.